2015 155 Calçada

A calçada portuguesa ou mosaico português (ou ainda pedra portuguesa no Brasil) é o nome consagrado de um determinado tipo de revestimento de piso utilizado especialmente na pavimentação de passeios, de espaços públicos, e espaços privados, de uma forma geral. Este tipo de passeio é muito utilizado em países lusófonos.

A calçada portuguesa resulta do calcetamento com pedras de formato irregular, geralmente em calcário branco e negro, que podem ser usadas para formar padrões decorativos ou mosaicos pelo contraste entre as pedras de distintas cores. As cores mais tradicionais são o preto e o branco, embora sejam populares também o castanho e o vermelho, azul cinza e amarelo. Em certas regiões brasileiras, porém, é possível encontrar pedras em azul e verde. Em Portugal, os trabalhadores especializados na colocação deste tipo de calçada são denominados mestres calceteiros.

O facto de a rocha mais comum para estabelecer o contraste seja de cor negra, faz com que se confunda a rocha mais utilizada, o calcário negro, com basalto. De facto, existe calcário de várias cores. O basalto apenas é utilizado nas ilhas, onde é abundante, sendo aí os desenhos executados em calcário branco. Quando é basalto, distingue-se pelo maior mate e pela sua maior irregularidade no corte, pois este é muito mais rijo. Simplesmente não é possível executar com o martelo, os detalhes técnicos dos motivos elaborados presentes na calçada lisboeta.

A calçada à portuguesa, tal como o nome indica, é originária de Portugal, tendo surgido tal como a conhecemos em meados do século XIX. Esta é amplamente utilizada no calcetamento das áreas pedonais, em parques, praças, pátios, etc. No Brasil, este foi um dos mais populares materiais utilizados pelo paisagismo do século XIX, devido à sua flexibilidade de montagem e de composição plástica. A sua aplicação pode ser apreciada em projetos como o do Largo de São Sebastião, construído em Manaus no ano de 1901 e que inspirou o famoso calçadão da Praia de Copacabana (uma obra de Roberto Burle Marx) ou nos espaços da antiga Avenida Central, ambos no Rio de Janeiro1 .

Fonte wikipédia

0 comentários:

 

Seguidores

Google+ Followers

Category

photos movies filmes fotos BroTTasPhotos brottas arte foto photo bikes caminhar chicksandbikes 2015 fotos caminhar 2015 movie daily photo desenho musica imagens music passeios geocaching Btt postais Fotografos projecto 2013 MOleskine Treinos videos TuGa art Filmes 2014 artistas Ferramentas run tools pintura postcrossing youtube saltos tugas espectáculos jump geo passeio Ferias chickosandbikes teatro caminhar 2014 series vinhos artistas 2013 viajar bicicletas cinema design tv berlim desafio fotográfico photoshop restaurantes quadros bike portugal beer cerveja futebol Artistas 2014 tool livros wines filme futsal books food myspace sites corrida praias BroTTasArT concertos gps comida desenhos viagens calendarios jumps video pocket calendars signos comida que eu gosto popcorn photography. software Lisboa ak47 desporto fds festas férias tattoos dança gear portutal terror 2014 musica DAF bizarro cris eventos exposição festa google motas travel airsoft bimby comida brottas dmp facebook flickr gpx gratis jogos maggelan mapas museus no comments online peddy paper people pessoas pub refeições tecnologia urbana vimeo web BD Prémios ae android apresentação apresentações baptismo bar blitz caminh canoagem casas de sonho cascais comédia cultura de borla curtas dieta efeitodoslivros estilos experiências fado feliz 2014 formação free fun gmail hoteis humor informática instalações kml legendas... loucuras magellan manutenção meandyou mergulho mo motos nasa nice spots noticias ovies paginas passatempo posters premios publicidade... relogios rideabike rir sapo sardinhas setubal shows sim se ela quiser sopa styles subtitles sugestões testes thiller thriller trabalho tumblr técnologia util vampiros vide visitas. voar xpogo

Número total de visualizações de página